CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

Violência Doméstica

EMERGÊNCIA - 112 | (24horas/dia-7dias/semana)
APAV (CASCAIS) - 214 664 271 | 2ª a 6ª > 10h00-13h00 e 14h00-19h00
ESPAÇO V - 210 994 321 | 2ª a 6ª > 10h00-18h00
 
Cascais diz não à violência. Contra as mulheres ou contra os homens, a violência é um crime que deve ser denunciado e combatido.
 
No combate à violência, Cascais tem levado a cabo diversas ações, entre as quais, em 2017, a campanha desenvolvida pelo Fórum Municipal de Cascais contra a Violência Doméstica para sensibilizar as mulheres vítimas para a tomada de consciência da sua situação. Identificando quatro situações verificadas neste tipo de crime, a campanha sensibiliza as mulheres para a denúncia e a procurar a ajuda junto do ESPAÇO V 210 994 321 e da APAV 214 664 271 (ver vídeos relacionados no lado esquerdo da página). 
 
Em 2019, a campanha contra a violência alargou-se ao género masculino, pois os homens também são vítimas de violência doméstica para sensibilizar os homens vítimas de violência conjugal para uma consciencialização da sua situação, nomeadamente através de uma identificação com as situações retratadas. Simultaneamente, pretende-se combater uma eventual desvalorização social deste fenómeno, que poderá dificultar a procura de apoio, quer formal, quer informal.
 
Em Cascais, no ano de 2018, verificou-se um total de 84 homens vítimas de violência doméstica entre as 467 ocorrências registadas pelas forças de segurança. Foram registadas 382 ocorrências de violência doméstica em que as vítimas foram mulheres.
 
O medo e a vergonha constituem a principal barreira à concretização de um pedido de ajuda. Os homens vítimas receiam ser desacreditados e humilhados por terceiros (familiares, amigos e até mesmo instituições policiais e judiciárias) caso decidam denunciar a situação.
 
Importa, deste modo, incentivar a procura dos serviços de apoio especializado, informando que estes também se destinam a homens.
 
Sendo intenção do FMCVD (Fórum Municipal contra a Violência Doméstica) continuar a apostar na desconstrução de estereótipos e preconceitos, no sentido de uma alteração de atitudes e comportamentos, pretende-se, não só, divulgar a nova campanha dirigida a homens vítimas de violência doméstica, como também retomar a campanha dirigida às mulheres, passando as duas a decorrer em simultâneo.  
 
Ajude a denunciar o fenómeno da violência contra os homens. Partilhe esta campanha!
 

Esconder página

A violência doméstica não é um fenómeno novo, mas é uma ...
Dada a dimensão do fenómeno da violência doméstica nas ...
O Município de Cascais, através do Fórum Municipal contra a ...

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisccbanner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais