CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

Encontro Vela Sem Limites 2019

Cascais promove a prática de vela adaptada

Em Cascais o desporto é para todos seja na serra, na terra ou no mar. Na manhã de 18 de outubro cerca de 30 utentes da CERCICA e do CRID visitaram o Clube Naval de Cascais (CNC) onde tiveram a oportunidade de dar um passeio numa embarcação à vela. Nesta escola, junto ao Passeio Maria Pia, há nove embarcações para a prática da vela adaptada, uma vez que esta é uma das modalidades desportivas que o Clube oferece. Mas hoje o dia é diferente e é dedicado a quem nunca teve a possibilidade de realizar esta atividade. O sorriso dos participantes contagia e a sua animação também, e aguardavam ansiosos pela sua vez. Para este encontro o Clube disponibilizou três embarcações e contou com a ajuda de cerca de seis voluntários que apoiaram os participantes com algumas dificuldades a descer até à plataforma, também ela preparada especificamente para que pessoas com deficiência possam aceder às embarcações. O Projeto Vela Sem Limites já soma mais de 10 anos e, desde 2005, já permitiu que muitas pessoas com deficiência tivessem a possibilidade de participar numa atividade diferente. 

 

Ana Filipa Pereira, do CRID, é a animadora cultural que hoje veio acompanhar os utentes que participam no encontro da Vela Sem Limites 2019. A técnica adianta que já participam neste projeto desde o primeiro ano. “Apesar de todas as segundas-feiras trazermos um grupo que pratica este desporto regularmente, felizmente todos os anos o Clube Naval dá a oportunidade de trazermos outros utentes para conhecerem esta modalidade,” explica a técnica. Para si, este encontro, “é uma também uma forma de lhes proporcionar um dia diferente, para contactarem com o mar e interagirem com outras associações, que é super importante”. Quando saem deste encontro Ana Filipa afirma que ficam ansiosos por voltar: “Querem logo vir no dia a seguir. No ano seguinte começam logo a perguntar: Este ano também vamos? Este ano também vamos?”

Charles Lindley é o fundador deste projeto, explica que tudo começou após Cascais ter recebido um “barco que veio da Galiza com deficientes,” depois foi desafiado a ir a Inglaterra ver como é que se fazia vela adaptada e copiou os métodos para Portugal. “Desde então o projeto nunca mais parou de crescer e isso é o que mais nos agrada, ver como é que a vela adaptada tem sido recebida pelo concelho e pelas instituições,” revela. Para Charles “é importantíssimo que estas pessoas tenham esta possibilidade, têm mais necessidades que outras e abrir o desporto a todos os que tenham deficiências é fundamental” acrescentando que “os encontros permitem mostrar às pessoas que todos podem andar à vela de forma completamente segura. O dia de hoje é um exemplo, ontem choveu e amanhã vai chover mas hoje está um bom dia, está pouco vento mas está muito agradável para andar à vela.”

Para o fundador, “uma das razões do sucesso da Vela Sem Limites foi o apoio que a Câmara deu desde o primeiro dia através de um protocolo que ainda hoje se mantém. Todos os anos a autarquia apoia-nos em quase 50% da nossa despesa, o resto vem de empresas e entidades”. 

Nestes 14 anos há alguns momentos que marcaram a memória de Charles, mas há uma que o marcou em especial. Charles recorda Kikas, uma velejadora do Clube Naval de Cascais a quem foi diagnosticada uma doença degenerativa. A força com que continuou sempre a fazer Vela tornou-se um exemplo para quem frequentava o Clube por essa altura: “Era uma pessoa tão bem disposta. Ao início ainda conseguia levar o barco sozinha mas foi piorando e tivemos de eletrificar o barco. Estava tão agradada de poder continuar a fazer Vela que era um prazer estar com ela, foi uma lição para todos.”

O Encontro da Vela Sem Limites tem por objetivo divulgar e desenvolver a modalidade de vela adaptada a nível nacional, promover o convívio entre os participantes do programa, seus familiares e a população em geral. Durante o Encontro são proporcionados passeios nas embarcações HANSA, que são utilizadas ao longo do ano no Programa Vela Sem Limites, projeto de carácter terapêutico, lúdico, desportivo e competitivo, que resulta de uma parceria entre a CMC, CNC, CERCICA e com o apoio da BRISA.

A 19 de Outubro de 2019 Cascais vai receber o XI Troféu Brisa que conta com provas que reúnem diversos representantes de Clubes e Instituições promotoras da modalidade de Vela Adaptada. Este é um evento organizado pelo Clube Naval de Cascais (CNC), com o apoio da Câmara Municipal de Cascais (CMC) e da Brisa S.A.

 

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisccbanner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais