CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

OP CASCAIS | Quando as crianças empoderam os adultos

O que fazer quando a vontade de participar ultrapassa os projetos disponíveis?

Os alunos da Escola Básica da Galiza 1 e Jardim de Infância não baixaram os braços e, mesmo sem terem idade para participar no OP Jovem (só para o segundo ciclo e ensino secundário) ou no OP Cascais (só para maiores de 16 anos) lançaram mãos à obra.

Salomé Duarte, a dinamizadora da Ludobiblioteca na escola, salienta que os proponentes de palmo e meio são “miúdos muito ativos, muito participativos”. Não poderem participar no OP Jovem, projeto dirigido a jovens a frequentar o segundo ciclo do ensino básico e ensino secundário, fez com que ficassem muito tristes.

Por isso, a professora, juntamente com a colega Sara Cunha, acompanhou-os no desenvolvimento de um processo paralelo, dentro da escola, que permitisse aos alunos afinar as ferramentas da participação. Das leituras aos jogos, interação com todas as turmas e restante comunidade escolar, elaboração de normas próprias e votação tudo foi concretizado. “No final pensámos que isto não podia ficar por aqui e resolvemos dar voz aos pequeninos e levar ao OP adulto porque o trabalho foi tanto e tão produtivo que não podia ficar por aqui.

Continuar a ler

Sugerimos também

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisccbanner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais