CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

Campanha "Cascais Solidária" termina com mais ajuda

Cascais reenvia mais ajuda à Pampilhosa da Serra no fim da sua campanha de solidariedade.

A campanha “Cascais Solidária” com as vítimas dos incêndios florestais no centro do país chega ao fim, após inúmeras iniciativas de apoio por parte da autarquia, dos cidadãos e de empresas, com a entrega em breve de mais ajuda recolhida no concelho.

A Câmara Municipal de Cascais foi célere a responder ao apelo das vítimas dos fogos florestais de junho e outubro, na região centro do país, tendo enviado desde roupas, géneros alimentícios, a forragens, animais e plantas de viveiro de espécies variadas para ajudar a reflorestar as zonas ardidas.

O apoio de Cascais fez-se sentir especialmente com mais intensidade na região da Pampilhosa da Serra, uma das mais fortemente fustigadas por estas calamidades.

O presidente da Câmara de Cascais, Carlos Carreiras, deslocou-se em principios de novembro do ano passado à Pampilhosa da Serra acompanhado por uma coluna de viaturas pesadas com donativos recolhidos.

"Só vindo ao local é que temos noção da dimensão desta devastação”, disse na ocasião Carlos Carreiras, sublinhando que "com esta segunda ação de solidariedade, Cascais pretendia ajudar a reflorestar esta zona tão dizimada".

“Para isso, disse, fizemos a entrega de árvores do nosso banco genético vegetal”, sublinhando que 50% do concelho de Cascais é ainda natural e que 1/3 do território está protegido por parque natural.

“Trouxemos gado (ovelhas) nascido e criado na Quinta do Pisão, em Cascais”, afirmou, sublinhando que as espécies vegetais doadas são árvores autóctones que se enquadram naturalmente no ambiente local.

”Em novembro do ano passado, como é conhecido, tivemos oportunidade de manifestar a nossa solidariedade com a Pampilhosa da Serra, já depois de em Junho a termos manifestado a outros municípios que foram afetados pelos trágicos incêndios florestais”, recorda Carlos Carreiras.

“Aí assumi o compromisso de que iriamos fazer uma campanha de angariação de animais e de materiais de construção que permitissem revitalizar e ajudar todas essas populações que foram atingidas. Lançamos essa campanha e os munícipes de Cascais, uma vez mais, quer individualmente quer através de empresas, aderiram e responderam de uma forma muito afirmativa e daí o meu muito obrigado de agradecimento a todos os que contribuíram”, sublinha.

Carlos Carreiras reitera que Cascais “está em condições de, brevemente, fazer a entrega na Pampilhosa da Serra, de mais 30 ovelhas, cinco paletes de tijolo, 70 sacos de cimento, e mais duas paletes de blocos no valor de 20 mil euros”.

“Esta será mais uma manifestação de solidariedade dos cascalenses com as populações afetadas pelos incêndios, especialmente o de outubro, e no caso concreto com o município da Pampilhosa da Serra que foi dos mais afetados. Uma vez mais, o meu agradecimento a todos os que participaram nesta campanha”, concluiu o autarca no encerramento desta campanha de solidariedade. SRS.

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisccbanner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais