Está aqui

Comitiva avalia no terreno candidatura de Cascais a Cidade Europeia do Desporto 2019

Focado na saúde e no bem-estar dos cidadãos, cuja oferta por parte dos municípios destaca como “o mais importante”, Gian Francesco Luppatelli, presidente da ACES Europe – Associação das Capitais Europeias do Desporto e a restante equipa está em Cascais até dia 18, para, juntamente com os representantes da ACES PORTUGAL – Associação Portuguesa das Cidades Europeias do Desporto, avaliar a candidatura de Cascais.
A comitiva da ACESS Europe e ACES Portugal, que irá visitar diversos espaços desportivos no concelho nos próximos dias, foi recebida esta manhã por Carlos Carreiras, presidente da Câmara, Nuno Piteira Lopes, vereador do desporto, no Salão Nobre da autarquia. Uma sessão de boas vindas em que Carlos Carreiras revelou à comitiva os fatores diferenciadores de Cascais, por exemplo, em relação a Portimão, cidade portuguesa igualmente candidata a Capital Europeia do Desporto 2019. "Portimão é uma belíssima cidade e tem também muito boas condições, mas Cascais distingue-se porque aqui vivem 80% das nacionalidades de todo o mundo”. 
 
Reiterando que Cascais sempre foi e é “uma comunidade de braços abertos”, o presidente da Câmara salientou a importância dada ao desporto a nível municipal, com a existência de muitos ginásios ao ar livre, equipamentos inclusivos para todas as idades e condições físicas, incluindo pessoas com deficiência e o programa municipal “Desporto para Todos” que promove, ao longo do ano, atividades na praia, nos parque públicos e outros locais, em conjunto com diversos parceiros locais. “Temos uma oferta variada que promove o desporto junto dos jovens e dos jovens há mais tempo. Estou consciente que vão poder observar essa realidade e saber que, em Cascais, alguns podem ser campeões no desporto, mas através do desporto, todos são campeões na vida!”, destacou Carlos Carreiras. 
 
“Portugal está a viver um bom momento do desporto a nível europeu”, assumiu Gian Francesco Luppatelli, aproveitando para referir que a ainda esta semana será conhecido o nome da Capital Europeia 2021 (que será Lisboa ou Haia)  e que a ACES Europe “está viver tudo isso com enorme interesse, até porque há muitos estrangeiros a viver aqui”.
 
 

Sugerimos também

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisbanner_bairromuseus_0banner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais