CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

“Programa Vacinação Contra a Gripe” em Cascais

Vacina da gripe administrada gratuitamente nas 42 farmácias do concelho

Apoiar e facilitar a administração da vacina da gripe aos munícipes de Cascais com 65 anos e mais anos. Este é o mote do protocolo assinado entre a Câmara Municipal de Cascais, a Associação Nacional de Farmácias (ANF) e pela Associação Dignitude.

E este apoio começou no Covid-Bus - veículo cedido à CM Cascais pelo Grupo Salvador Caetano e pela Siemens para intervenção em contexto de pandemia -, na freguesia de S. Domingos de Rana, com a administração de 200 vacinas da gripe.  Após uma paragem por motivos técnicos, o Covid-Bus vai estar junto do Centro de Saúde S. Domingos de Gusmão, em S. Domingos de Rana, a partir de 27.10 para, durante alguns dias, dar apoio à vacinação.  

Designado como Programa “Vacinação SNS Local”, tem também o objetivo de retirar a pressão dos Centros de saúde de Cascais, que, com a ajuda das Farmácias comunitárias aderentes na administração, podem assim facultar outros serviços médicos com mais e melhor qualidade (ver farmácias aderentes e perguntas frequentes).

Para tal, nas 42 farmácias aderentes, na área de residência e sempre com marcação prévia, terá de ter 65 anos ou mais para a administração gratuita do ato médico. Os portadores de doença crónica ou de risco devem vacinar-se no seu Centro de Saúde.

Para Maria de Belém Roseira, representante da Associação Dignitude “só posso agradecer a sensibilidade do senhor Presidente da Câmara ao assinar este protocolo. A nossa associação, fazendo parte da sociedade civil pretende reconhecer a dignidade de todos os seres humanos, e este é um passo ao qual gostamos de estar associados”, refere a ex-ministra da saúde.

“As farmácias trabalham há mais de 10 anos, numa relação de proximidade com o utente e tem contribuído para a cultura da vacinação no nosso país. E estou certo que estamos em condições de ajudar à vacinação em massa da população de risco. Por isso vamos trabalhar!”, afirma João Silveira, da Associação Nacional de Farmácias.

Com esta parceria Cascais cria mais uma resposta de emergência em tempos de pandemia que permite mitigar a incidência da gripe comum.
 
“Cascais reconhece o trabalho que as farmácias têm feito no nosso concelho em diversas parcerias que temos. Esta será mais uma, que pretende reduzir os riscos, neste caso de contágio da gripe, para todos nós”, refere Carlos Carreiras, presidente da autarquia, que lança um desafio “Se tem mais de 65 anos e ou alguma doença de risco vacine-se”, conclui.

Ao abrigo deste protocolo, o Município de Cascais irá comparticipar o pagamento da administração da vacina nas farmácias aderentes em 90 por cento, sendo os restantes 10 por cento suportados pela Associação Dignitude, até um valor máximo de 2.5 euros por ato.
 

Cascais Digital

360_146x65mobi_146x65loja_146x65geo_146x65ambiente_146x65-01cultura_146x65jovem_146x65participa_146x65fix_146x65my_146x65